BEDA #30 – Como foi a experiência

BEDA #Flat lay of workspace in office by Nuchylee Photo on @creativemarket:

Há alguns meses, entrei em um grupo no Facebook cujo objetivo é trocar ideias sobre blogs. Em agosto do ano passado, uma galera do grupo resolveu participar do BEDA, ou seja, postar todos os dias do mês de agosto. Como o projeto já estava no meio e eu não havia me preparado para participar, fiquei só observando os comentários sobre como estava sendo. Resolvi que agora em abril eu participaria também, então me preparei emocionalmente (hahah) para essa experiência, que eu sabia que não seria fácil.

Eu comecei a preparação já em março, fazendo uma lista com as ideias que eu tinha e deixando alguns posts agendados (cerca de uma semana de posts), mas rapidamente percebi que não tinha ajudado muito. Logo na segunda semana, já precisei ter muita disciplina e realmente me “forçar” a escrever. Por outro lado, isso foi positivo, porque vi que consigo, sim, escrever com mais frequência se eu me organizar e tiver isso como propósito.

Outro aspecto positivo foi que tirei do papel várias ideias que já tinha há tempos. Inclusive, o maior ensinamento que tirei foi anotar todas as ideias que surgirem, nem que seja um rascunho bem tosco, só para não deixar aquela informação se perder. Dos temas que havia planejado no início, nem todos viraram posts, e nisso vi que mudar de ideia faz parte. Se do início para o fim do mês algumas coisas já não faziam sentido, imagina em um período mais longo?

Eu gosto muito de escrever, principalmente os posts de reflexões, que acho que são os mais comuns aqui no blog. Mas para criar esse tipo de conteúdo mais denso, eu preciso estar inspirada, estar vivendo aquele assunto à flor da pele. Ao longo do BEDA, em alguns momentos eu não me senti tão inspirada e por isso alguns posts não ficaram tão bons. Não que tenham ficado ruins, pois se eu não gostasse não os postaria, mas sinto que poderia ter desenvolvido melhor alguns assuntos se tivesse mais tempo pra isso.

De maneira geral, foi uma experiência bastante positiva. No mês de abril, o blog aumentou muito o número de visitantes, visualizações e bateu record de likes. Ou seja, percebi que o conteúdo produzido foi bem aceito, além de ter sido um aprendizado muito rico para mim. Só tenho a agradecer por todos que acompanham o Frugalidades, curtem e comentam. Vocês são topper! ❤

Dá uma olhada nos posts de Abril pra ver se não perdeu nada:

BEDA #1 – Está tendo!
BEDA #2 – Leituras da semana
BEDA #3 – Metas do mês – Abril
BEDA #4 – O que tem na minha bolsa
BEDA #5 – O que eu aprendi com a escola pública
BEDA #6 – Baratinhos de beleza
BEDA #7 – Porque parei com o anticoncepcional
BEDA #8 – Quero te conhecer!
BEDA #9 – Leituras da semana
BEDA #10 – Playlist: Músicas para relaxar
BEDA #11 – TAG 31 perguntas para quebrar um silêncio constrangedor
BEDA #12 – Precisamos falar sobre a masculinidade tóxica
BEDA #13 – Uma carta para a eu do passado
BEDA #14 – Meus lugares favoritos de BH
BEDA #15 – Minha experiência com cronograma capilar
BEDA #16 – Leituras da semana
BEDA #17 – Sobre enfrentar medos
BEDA #18 – 30 fatos sobre mim
BEDA #19 – Como eu estou me organizando atualmente
BEDA #20 – Como aproveitar melhor a faculdade
BEDA #21 – TAG Felicidade é…
BEDA #22 – Vision Board: o que é e como fazer o seu
BEDA #23 – Leituras da semana
BEDA #24 – Economia colaborativa
BEDA #25 – 5 coisas que me inspiram
BEDA #26 – TAG A louca dos gatos
BEDA #27 – Status: Metas do mês – Abril
BEDA #28 – Metas do mês – Maio
BEDA #29 – Leituras da semana
BEDA #30 – Como foi a experiência

* Imagem retirada daqui

17629873_1319972661384518_3287602528063976838_n

Anúncios

BEDA #1 – Está tendo!

computer-laptop-photography-mug-book-Favim.com-5094183.jpg

Pessoal, é com muita felicidade e um certo medinho que anuncio que vai rolar BEDA (blog everyday in April) aqui no Frugalidades! Ou seja, durante o mês de Abril, teremos um post por dia aqui no blog.

Desde o final do ano passado, quando retomei o blog depois de um longo período, tenho tentado postar com mais frequência. Nem sempre é fácil (principalmente por causa do trabalho e da rotina corrida), mas gosto de fazer esse exercício e organizar minhas ideias para colocá-las no papel, ou melhor, no blog. Afinal, esse é um cantinho pelo qual tenho muito carinho e faço tudo com muita dedicação.

Em agosto de 2016, vi muitas pessoas participando do BEDA e fiquei inspirada pelo desafio de alimentar o blog com conteúdo todos os dias, algo que é ao mesmo tempo excitante e intimidador. É claro que isso vai exigir muito mais de mim, pois vou precisar me organizar muito melhor para escrever com antecedência e postar todo dia. Ao mesmo tempo, sinto que, depois de dois anos de existência, o blog precisava dar um passo além.

Me dedicar mais ao blog foi um dos planos que tracei para 2017 e acredito que o BEDA seja uma ótima forma de colocá-lo em prática. Gosto de traçar metas ousadas como essa, pois acredito que só quando saímos da zona de conforto é que conseguimos crescer de verdade. Além dos posts diários aqui, também pretendo aumentar a frequência de publicações na página do blog no Facebook. Então, se você gosta do que eu escrevo, me acompanhe também por lá.

Mas por que eu resolvi aderir a esse projeto? Porque quero evoluir o tipo de conteúdo que compartilho por aqui. Quero que outras pessoas se identifiquem comigo e com as experiências que compartilho. Quero que cada vez mais pessoas conheçam o blog e, de alguma forma, se sintam impactadas pelo que eu escrevo. Afinal, é por isso que eu escrevo. Espero que gostem! 🙂

17629873_1319972661384518_3287602528063976838_n